Densitometria Óssea Digital2018-08-24T17:42:43-03:00

Densitometria Óssea Digital

      A Densitometria Óssea é uma das mais avançadas tecnologias para avaliação e monitoramento de alterações na densidade mineral óssea (massa óssea). Por permitir a máxima precisão nos resultados e principalmente nos exames comparativos, é o método por excelência para diagnosticar precocemente doenças que interferem no metabolismo ósseo.

      A osteoporose, caracterizada tanto por uma deficiência quantitativa quanto qualitativa, pode levar a massa óssea a um grau de fragilidade, permitindo que fraturas ocorram por traumas mínimos.

      O exame periódico de densitometria óssea permite detectar estados de redução da massa óssea, estimar a resistência óssea e avaliar o risco de futuras fraturas em pacientes com baixa massa óssea, principalmente na coluna lombar e fêmur, auxiliando no tratamento médico.

      A densitometria óssea é um método rápido e preciso, totalmente não invasivo, com baixa emissão de raios-X, tanto para o paciente quanto para o técnico. Durante a realização do exame, o paciente permanece deitado em uma mesa acolchoada, enquanto o “braço” do aparelho, que contém o gerador de raios-X de um lado e o receptor de outro, percorre a área examinada, gerando as imagens em um monitor de computador.

EXAME

Por ser um exame totalmente não invasivo, com baixa emissão de raios-X, a densitometria óssea é indicada para o estudo e melhor compreensão da dinâmica do tecido ósseo na infância e na adolescência. Nesta fase da vida, particularmente na adolescência, o indivíduo atravessa um período crítico de desenvolvimento e crescimento esqueléticos, e atinge o pico de ganho da massa óssea. Vários fatores, entretanto, como a hereditariedade, sexo, raça, hábitos dietéticos, atividade física, influências hormonais diversas, composição corporal de massa magra e gordurosa, doenças intercorrentes, uso crônico de medicamentos, etc., podem interferir nesse processo.

A fim de indicar com precisão as condições necessárias para que crianças e adolescentes desenvolvam a melhor qualidade e quantidade de massa óssea, prevenindo deficiências na fase adulta, os exames de densitometria óssea são indicados no seguimento do paciente em crescimento. Por meio da avaliação e monitoramento de alterações na densidade mineral óssea (bone mineral density, BMD) de corpo total e principalmente dos exames comparativos, a densitometria óssea contribui para o diagnóstico precoce das alterações que possam interferir no metabolismo ósseo.

Este exame é rápido e preciso, e não oferece nenhum risco à criança ou ao adolescente. Durante a sua realização o paciente permanece deitado em uma mesa acolchoada, enquanto o “braço” do aparelho, que contém o gerador de raios-X de um lado e o receptor de outro, percorre a área examinada, gerando as imagens em um monitor de computador. Essas imagens podem ser transmitidas eletronicamente, o que facilita a consulta remota pelo médico que assiste o paciente.

PREPARO

Este exame não necessita de preparo prévio.

  • Até sete dias antes da data agendada para seu exame você não poderá ter realizado exame de Medicina Nuclear, e Radiografia e/ou Tomografia computadorizada com a administração de contraste via oral ou retal.
  • Você pode alimentar-se regularmente no dia do exame, evitando apenas o uso de suplementos de cálcio nas 24 horas prévias à realização do exame.
  • Aconselha-se a utilização de roupas leves e confortáveis, evitando-se acessórios que contenham metais, pois estes podem alterar os resultados do exame.
  • Caso tenha exames anteriores relacionados à região a ser examinada pedimos a gentileza de trazê-los. A comparação com exames anteriores proporciona diagnósticos mais precoces e evita, muitas vezes, a realização de incidências adicionais.
  • Em caso de dúvidas, sinta-se à vontade para falar com um dos médicos da equipe. Estamos à sua disposição para qualquer esclarecimento.
  • O exame será entregue em dois dias úteis, salvo quando houver necessidade de uma avaliação mais ampla, que dependa de um conjunto de profissionais.

EXAME

A Densitometria Óssea é uma das mais avançadas tecnologias para avaliação e monitoramento de alterações na densidade mineral óssea (massa óssea).

Os exames de fêmur e coluna lombar, por oferecerem capacidade similar de indicar o risco de fraturas, são as partes de maior interesse na obtenção das imagens para diagnóstico dessas alterações. A coluna é mais sensível aos efeitos dos corticóides e pode ser a escolha para o acompanhamento de pacientes em corticoterapia. O fêmur, por sua vez, apresenta um índice superior para avaliar o risco de fraturas.

O exame da coluna lombar avalia o segmento de L1 a L4, e é usado para o diagnóstico de osteoporose, por ser a região que apresenta a melhor sensibilidade para a monitoração terapêutica.

Este exame é rápido e preciso, totalmente não invasivo e com baixa emissão de raios-X, tanto para o paciente quanto para o técnico. Durante a realização do exame, o paciente permanece deitado em uma mesa acolchoada, enquanto o “braço” do aparelho, que contém o gerador de raios-X de um lado e o receptor de outro, percorre a área examinada, gerando as imagens em um monitor de computador.

PREPARO

Este exame não necessita de preparo prévio.

  • Até sete dias antes da data agendada para seu exame você não poderá ter realizado exame de Medicina Nuclear, e Radiografia e/ou Tomografia computadorizada com a administração de contraste via oral ou retal.
  • Você pode alimentar-se regularmente no dia do exame, evitando apenas o uso de suplementos de cálcio nas 24 horas prévias à realização do exame.
  • Aconselha-se a utilização de roupas leves e confortáveis, evitando-se acessórios que contenham metais, pois estes podem alterar os resultados do exame.
  • Caso tenha exames anteriores relacionados à região a ser examinada pedimos a gentileza de trazê-los. A comparação com exames anteriores proporciona diagnósticos mais precoces e evita, muitas vezes, a realização de incidências adicionais.
  • Em caso de dúvidas, sinta-se à vontade para falar com um dos médicos da equipe. Estamos à sua disposição para qualquer esclarecimento.
  • O exame será entregue em dois dias úteis, salvo quando houver necessidade de uma avaliação mais ampla, que dependa de um conjunto de profissionais.

EXAME

O exame de corpo total para avaliação da composição corporal por densitometria óssea permite analisar com precisão o percentual de massa de gordura e de massa magra (músculos, vísceras e água corporal) do organismo, além de obter a densidade mineral óssea (bone mineral density, BMD) total do esqueleto.

A análise da composição corporal é útil na avaliação nutricional do indivíduo, na fase de crescimento e ganho de massa óssea, no rastreamento de deficiência estrogênica, em programas de condicionamento físico e na evolução e no tratamento da várias doenças que afetam a massa óssea.

Este exame é rápido, preciso, não invasivo e com baixa emissão de raios-X, tanto para o paciente quanto para o técnico. Durante a realização do exame, o paciente permanece deitado em uma mesa acolchoada, enquanto o “braço” do aparelho, que contém o gerador de raios-X de um lado e o receptor de outro, percorre a área examinada, gerando as imagens em um monitor de computador.

Obs: A densidade mineral óssea total, avaliada nesse exame, não é usada para o diagnóstico de osteoporose por sua baixa sensibilidade.

PREPARO

Este exame não necessita de preparo prévio.

  • Até sete dias antes da data agendada para seu exame você não poderá ter realizado exame de Medicina Nuclear, e Radiografia e/ou Tomografia computadorizada com a administração de contraste via oral ou retal.
  • Você pode alimentar-se regularmente no dia do exame, evitando apenas o uso de suplementos de cálcio nas 24 horas prévias à realização do exame.
  • Aconselha-se a utilização de roupas leves e confortáveis, evitando-se acessórios que contenham metais, pois estes podem alterar os resultados do exame.
  • Caso tenha exames anteriores relacionados à região a ser examinada pedimos a gentileza de trazê-los. A comparação com exames anteriores proporciona diagnósticos mais precoces e evita, muitas vezes, a realização de incidências adicionais.
  • Em caso de dúvidas, sinta-se à vontade para falar com um dos médicos da equipe. Estamos à sua disposição para qualquer esclarecimento.
  • O exame será entregue em dois dias úteis, salvo quando houver necessidade de uma avaliação mais ampla, que dependa de um conjunto de profissionais.

 EXAME

A Densitometria Óssea é uma das mais avançadas tecnologias para avaliação e monitoramento de alterações na densidade mineral óssea (massa óssea).

A avaliação do antebraço pode ser útil em três situações:

  1. quando o fêmur ou a coluna lombar não puderem ser avaliados, para complementação diagnóstica;
  2. no hiperparatiroisdismo primário, pois a perda óssea tende a afetar predominantemente o osso cortical, que pode ser avaliado de forma sensível na parte mais estreita do rádio;
  3. nos pacientes com antecedentes familiares de fratura de Colles (rádio distal), pois o fator genético é muito importante neste tipo de fratura.

Este exame é rápido e preciso, totalmente não invasivo e com baixa emissão de raios-X, tanto para o paciente quanto para o técnico. Durante a realização do exame, o paciente permanece deitado em uma mesa acolchoada, enquanto o “braço” do aparelho, que contém o gerador de raios-X de um lado e o receptor de outro, percorre a área examinada, gerando as imagens em um monitor de computador.

PREPARO

Este exame não necessita de preparo prévio.

  • Até sete dias antes da data agendada para seu exame você não poderá ter realizado exame de Medicina Nuclear, e Radiografia e/ou Tomografia computadorizada com a administração de contraste via oral ou retal.
  • Você pode alimentar-se regularmente no dia do exame, evitando apenas o uso de suplementos de cálcio nas 24 horas prévias à realização do exame.
  • Aconselha-se a utilização de roupas leves e confortáveis, evitando-se acessórios que contenham metais, pois estes podem alterar os resultados do exame.
  • Caso tenha exames anteriores relacionados à região a ser examinada pedimos a gentileza de trazê-los. A comparação com exames anteriores proporciona diagnósticos mais precoces e evita, muitas vezes, a realização de incidências adicionais.
  • Em caso de dúvidas, sinta-se à vontade para falar com um dos médicos da equipe. Estamos à sua disposição para qualquer esclarecimento.
  • O exame será entregue em dois dias úteis, salvo quando houver necessidade de uma avaliação mais ampla, que dependa de um conjunto de profissionais.

EXAME

Este exame é realizado por ultrassonografia – com o recurso adicional de imagens tridimensionais (3D e 4D) – em qualquer fase da gestação. A ultrassonografia não emite radiação ionizante, sendo totalmente segura em gestantes.

O exame obstétrico permite investigar e acompanhar as diferentes etapas da vida intra-uterina, monitorar o desenvolvimento do bebê desde as primeiras semanas até o nascimento, e identificar situações de risco, tendo em vista o bem estar materno e fetal, auxiliando a tomada de decisões sobre os procedimentos a serem utilizados no parto.

PREPARO

Este exame não necessita de preparo prévio.

  • Procure usar roupas confortáveis, preferencialmente de duas peças.
  • É recomendável que você se alimente (lanche ou refeição) de 30 a 60 minutos antes da hora agendada para o exame, pois o feto torna-se mais ativo, facilitando a sua avaliação.
  • Caso tenha exames anteriores desta gestação, pedimos a gentileza de trazê-los. A comparação com exames anteriores é fundamental para avaliar o crescimento fetal.
  • Em caso de dúvidas, sinta-se à vontade para falar com um dos médicos da equipe. Estamos à sua disposição para qualquer esclarecimento
  • Seu exame será entregue imediatamente após sua realização, salvo raras exceções.